domingo, 24 de março de 2013

Novidades (finalmente) e a "morte" do meu facebook


Saudações, nobres leitores (eu espero que alguém ainda passe por aqui). Depois de deixar o blog e as poucas, mas ótemas, pessoas que leram meu primeiro livro no vácuo, finalmente venho trazer algumas novidades em relação a isso (tam-tam!!). 

Primeiramente, gostaria de pedir desculpas... o tempo que passei sem postagens e sem alguma atualização não foi legal, mas 2013 tem sido um ano ocupado, estressante e atípico. Não pensei que pegar mais uma turma no colégio faria tanta diferença, mas acabou fazendo pelo número de textos a corrigir. No entanto, ontem mesmo decidi que precisava de foco e organização, e estou fazendo uma "limpeza geral" na minha vida :). Passei o dia de ontem praticamente inteiro em uma grande faxina em minha casa, junto com Odin, tirando poeiras, papeis e coisas inúteis da vista (incluindo-se o limo dos azulejos do banheiro, uauahauaha). 

Daí, veio outra decisão importante. Desde que criei o facebook e a página do livro, consegui apenas 28 curtidas por lá, número inclusive insuficiente para acessar as estatísticas da página. Recebi até conselhos bacanas por parte do André Bacchi em relação a divulgar meu trabalho em páginas especializadas em literatura e grupos de escritores de literatura fantástica, para talvez aumentar esse número. Acontece que cheguei à conclusão de que não faria isso, pelo fato de não me sentir confortável. Talvez ainda me falte um pouco de desprendimento e uma dose saudável de cara de pau e confiança no meu livro, mas ainda assim... tomei então a decisão de que continuaria trabalhando do jeito que eu gostava antes: aqui no blog e pronto. 

Com o tempo, fui percebendo que a minha primeira obra me serviu como um grande e maravilhoso exercício. Não tenho mais aspirações de publicá-la do modo tradicional, quero antes de tudo poder terminar essa história do jeito que ela foi concebida e publicada... por aqui, conversando, descobrindo quem gosta das mesmas coisas, descobrindo quem também tem paixão por escrever... foi gostoso, foi bom, e isso que fez tudo valer a pena. Isso me fez descobrir muitas coisas sobre mim mesma, e se eu tivesse simplesmente deixado esse manuscrito guardado, esperando o registro da Biblioteca Nacional e respostas das editoras, eu não teria aprendido muita coisa... e esse aprendizado, quem sabe, me levará a um caminho de realização como escritora, um dia. Ou não. Mesmo assim, sempre terei meios de partilhar meus escritos e aprender mais, o que é muito libertador de se pensar :). 

ENFIM, esse blábláblá todo para dizer: cancelei o facebook. Estava perdendo tempo substancial lá, porque o negócio vicia. E meu objetivo principal era divulgar o livro, mas... como não funcionou muito... chega! Limpeza total mesmo. Preciso de foco e me conheço: tenho que me afastar do que me distrai. Sinto pelos amigos que deixei, mas posso encontrar vocês na blogosfera :D. Além disso, acredito que minha conta tenha sido invadida, o que também não me deixou muito feliz. 

MAS MAS MAS TENHO NOVIDADES EM RELAÇÃO AO CÍRCULO DOS SETE!!! Com minha resolução de me organizar (até fazer academia faz parte disso, blééééé, mim detestar exercícios físicos, mim sedentária feliz), voltei a escrever no ritmo que consigo, considerando as provas e tarefas infinitas. Uma hora percebi que, em A5, o livro já está com 409 páginas, isso sem ilustrações e sem o conto da Dama da Borboleta, que planejo incluir para um melhor entendimento da história. Resolvi, então, terminar o livro um pouco antes do que havia previsto, e deixar o resto da história para o terceiro. ISSO SIGNIFICA que terminarei antes do que havia pensado, e que, em breve, teremos O Círculo dos Sete pronto. WEEEEEEE!!! Isso não é bom, 1d4-1 leitores??

Sendo assim, fiquem atentos. Estarei aqui com mais frequência para postar novidades e finalmente ver nascer esse segundo livro, realizando ainda mais um sonho. NÃO VOU DEIXAR OS LEITORES DE O ENIGMA DA LUA NA MÃO (faz pose determinada). 

Um grande abraço, e esperem por novos posts!

PS. O livro continuará tendo a versão impressa no Clube e a versão pdf para quem quiser :)!

19 comentários:

  1. Ai, ai, ai...
    Bom, você vai colocar o livro pra vender no Clube de Autores, né? Eu fui lendo aqui e, antes mesmo de terminar, já fiquei preocupada em não poder ter o livro impresso nas mãos pra poder ler... XD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Certamente, Gisele! É por isso mesmo que quero terminar ele um pouco antes, ou então o bichinho fica muito caro XD!!!

      Continue postando as novidades lá no blog dos Amberblades também, pois quero acompanhar todos os seus trabalhos :).

      Excluir
  2. Fico muito feliz com tuas decisões, nobre e querida escritora. E ianda mais feliz em saber que agora o Círculo dos Sete está para ser publicado.

    É sempre bom pararmos um pouco e revermos o que estamos fazendo e para onde estas ações estão nos levando. Eu sentia muita falta de ver teus posts neste nobre blog, e acredito que os fãs de teu livro também pensam assim.

    Sendo assim, ergo uma caneca do meu melhor hidromel em honra do Enigma da Lua e em honra deste nobre blog que voltará à ativa!

    Que bons ventos sempre acompanhem Lenora, Laucian, Valenia, Myron e companhia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, querido Odin. Eu sei que você sentia falta dos meus escritos por aqui, ainda mais porque você nem tem facebook :). Eu acho que essa foi a melhor decisão a se tomar e logo teremos O Círculo dos Sete!

      Excluir
  3. Bem, o Facebook é de fato viciante, e nem sempre surte o efeito que queremos. É legal poder tomar essa decisão, mas principalmente é legal você passar a usar o tempo com aquilo que de fato interessa.Na verdade, quem fica mais em redes sociais do que no editor de texto acaba não realizando muita coisa.

    Com certeza noa veremos sempre na blogsfera, via e-mails, g-mails e tudo o mais. Muito sucesso para a escrita!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, Ana, é isso mesmo. Ele é viciante e é algo mais passivo, você vai vendo as publicações, vai compartilhando, curtindo... como eu ando com a cabeça meio cansada, acabo me distraindo muito fácil (eu sei que tenho um problema em manter o foco). O facebook é um canal com múltiplas possibilidades, e eu precisava me focar, ou então o trabalho e as distrações vão me consumir e vou deixar a escrita de lado. E não quero isso! Valeu,Ana!

      Excluir
  4. Liége,

    Estabelecer prioridades é realmente bom e o Facebook realmente nos tira um tempo precioso às vezes. E ele não exatamente essencial. E se você considera que os resultados não estavam sendo tão positivos assim, então é melhor deixar pra lá mesmo e focar no que é mais importante: o livro!

    Fico muito feliz em saber que você está de volta no trabalho com o texto. Mas queria dar uma sugestão: por que não lançar o livro em formato digital? Eu sei que você tem o pdf, mas seria interessante fazer um formato disponível para kindle e kobo. Assim, você poderia disponibilizar na Amazon ou na Cultura como ebook e aproveitar um pouco mais dessa febre de ebooks. Eu fiz isso com aquela minha antologia de contos de Natal e gostei muito dos resultados.

    Fica a dica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu, Melissa! Você tem toda razão! Aliás, desde que você e a Karen Alvares lançaram o ebook de Natal de vocês, eu pensei em fazer o mesmo com O Enigma da Lua! Eu vou atrás disso com certeza!

      Abração!

      Excluir
  5. Amanda Silversong, a sumida, porém não morta25 de março de 2013 10:11

    WELCOME BACK!!! ^^

    OBA, OBA, OBAAAAA!!!!! O Círculo dos 7 está quase saindo do forno!!! UHUUU!!!

    E Li, eu fico muito contente por você ter decidido fechar o facebook e voltar para cá. Aquele treco vicia mesmo, eu bem sei.
    Uns anos atrás, eu fiz um para mim só para contrariar minha irmã besta que acha que sabe tudo, e só me deu problema. Era toda hora um otário vindo falar mal de religião ou uma tosca falando de lesbianismo (podem me chamar de preconceituosa, que se dane. Respeito o direito de escolha de todo mundo, mas não suporto quando alguém vem tentar empurrar suas coisas para cima de mim. Eu sou muito feliz católica e gostando de hoooooooomem!!!). Enfim, depois de dois meses brigando e até recebendo umas ameaças de espancamento, eu fechei aquela porcaria e comecei a me dedicar a coisas mais produtivas na internet, como ler e estudar coisas que eu gosto.

    (Tá, eu só fui jogar WoW com minha irmã, namorado e uns amigos, eu confesso...)

    Bom, desabafo a parte, que bom que você vai voltar a postar no blog! Vou tentar ser uma comentarista mais assídua, e pode reservar meu exemplar em PDF do livro ^^

    E nem me fala de exercício físico... eu queria ser alta e esbelta como minha hunter night elf no wow, mas sou baixinha e nunca vou ter corpão quando meus esportes favoritos são levantamento de garfo e copo, e quando eu só corro mesmo é esporadicamente em festas de criança para comer bolo antes que as pestes coloquem suas maozinhas sujas e grudentas nele... :(

    Beijão, Li! ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Weeeeeeeeeeeeeeeeee, OI AMANDA! Fico muito feliz de te ver comentado de novo, sempre me pergunto se você ainda está conseguindo passar por aqui!

      SIM, SIM, logo o Círculo dos Sete vai estar de volta!! Seu exemplar estará guardadinho, pronto para viajar para terras cangurunescas!!! (acho que inventei uma palavra).

      Isso que você falou sobre o facebook eu senti muito forte também, e foi um dos motivos pelos quais eu reafirmei que não gosto muito desse tipo de espaço. Eu tenho muito respeito por quem consegue falar sobre suas crenças, valores e ideias de forma respeitosa e equilibrada, quaisquer que sejam elas, mas também me irrito muito (muito!!!) quando as pessoas vem me empurrar coisas ou pregar como você deve agir e pensar. Eu acho que, quando você está realmente seguro sobre uma coisa e sobre um valor ou característica sua, você não precisa agredir ou forçar algo em cima dos outros. Só que facebook é uma vitrine de vidas, é um prato cheio para quem quer ficar se sentindo e se mostrando super esclarecido e "livre de ignorância", na verdade é um prato cheio para construir uma imagem do que você gostaria de ser.

      Essas discussões sobre religião e essa nova "moda ateísta" (é modinha sim) me deixam muito irritada (e no facebook é uma festa de piadinha desse cunho). Eu não sou católica mas estudei em colégio católico grande parte da vida, e mesmo quando as freiras ficavam de cabelo em pé quando eu ia falar de signo ou de viagem astral (meus pais são super "nova era", hihihihihi), elas me tratavam com carinho e eu me sentia muito bem lá. E eu participava de coral, teatrinho, não era excluída por isso não. Quem foi me achar ignorante por causa das minhas crenças e me tratou como tola por ter espiritualidade várias vezes foi exatamente um ateu. Mas, enfim, não discuto porque eu sei que é uma tremenda perda de tempo falar com gente que acha que está sempre certo em tudo (falo por experiência própria,XP). Sobre a sexualidade, não tem nem o que falar. Gente, esse é o tipo de coisa que não se pode empurrar para ninguém, assim como religião e crenças ou não-crenças pessoais. Peloamor *-*.

      ENFIM, hehehe, facebook a parte, eu vou tentar mesmo me focar (que Warcraft também me permita, huahuahauhauha, eu viciei nas férias, tenho uma hunter night elf e uma priest night elf) e terminar esse livro para vocês. Cada comentário aqui me dá muito gás :).

      Também odeio exercício XP, mesmo, exceto por levantamento de garfo e faca\o/. Eu gostava muito da dança do ventre que fazia no ano passado, mas tive que parar por causa do colégio :´(. Agora, faço academia, que é uma coisa que nunca gostei... mas pelo menos encontrei uma aula que é mistura de tai-chi, yoga, pilates, e tem meditação no final, daí eu fico mais zen XD.

      Ah, gente, achei que era só eu que ficava muito irritada com criança melecando e catarrando bolo XD e os pais fazendo cara de paisagem! (corram, corram, salvem o bolo SALVEEEEEEEMMMM).

      Excluir
    2. PS. Eba, eu vou ficar muito feliz se você for uma comentarista mais assídua (*Liége Cara de Pau*). :) Beijão!!!!!

      Excluir
    3. PS 2. A, gente, quando falo das coisas esquisitas que vi no facebook não estou falando dos meus amigos por lá. Minha timeline era sempre equilibrada e sem baixaria XD. É mais sobre páginas e comentários e piadas que vi circulando em postagens diversar :).

      Excluir
  6. Oi Liége! Fico feliz que o próximo livro esteja próximo de ser publicado! Acho que cada um se adapta melhor a um tipo de rede social ou mídia dentro do meio virtual. No meu, acabei me adaptando bem melhor ao facebook do que qualquer outro, mas não acho que isso se aplique a todos. O importante é mesmo essa organização pra que a gente consiga fazer o que gostamos, mesmo sendo atropelados pelo trabalho rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, André. Tanto que eu me adaptei bem no blog, até mesmo porque eu gosto muito de escrever, e eu gosto dessa questão de responder comentários,de interagir de uma forma que pareça até mais pessoal... no facebook é tudo mais "express", vapt,-vupt mesmo, e a conectividade é absurda, muita gente pode ver. Confesso que isso me incomoda um pouco também, embora em termos de divulgação seja melhor... mas, o melhor é se focar naquilo que a gente se sente mais confortável.

      Excluir
    2. Exatamente, é uma questão de perfil :) E lógicamente o nosso foco tem que ser o produto, mais que a divulgação rs, entao fico feliz que esteja escrevendo! :)

      Excluir
  7. Fico contente em saber que voltou a escrever e que está quase finalizando o livro! Eba!! Livro novo para ler! Também estou feliz por voltar com os posts no blog, gosto bastante deste espaço, com certeza é bem mais agradável que no facebook =)

    Concordo que realmente temos que nos esforçar muito para que a gente não caia na armadilha de viver apenas para trabalhar. Os dias vão passando e muita coisa vai ficando para trás, geralmente nossa saúde, nosso lazer e descanso. Mas nada que uma boa faxina na vida não resolva =)
    Estou na torcida para que tudo caminhe bem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gosta daqui, Angela!!! Bem, foi você que embelezou todo o blog, né, hihihihihi :). Você tem razão, essa questão do trabalho é muito complicada, essa semana resolvi que tiraria um tempinho mesmo para escrever aqui, trabalhar com o livro... eu já estava ficando meio maluca. Não há espírito que aguente. Hoje a bateria de provas volta, mas acho que é um dever para com nossa saúde (inclusive mental) não cair nessa loucura toda e reservar um tempo para fazer o que se gosta. Dá-lhe faxina!!!

      Excluir
  8. Sábias palavras, nobre amigo Frodo.

    Realmente, devemos focar nossas forças e atenção onde nos sentimos melhor, mais "em casa". No meu caso, nunca me senti confortável com a exposição existente no facebook, mas sempre me senti bem lidando com blogs.

    Enfim, há lugar para todos, basta que saibamos ver onde realmente seremos mais úteis ou mais felizes.

    ResponderExcluir
  9. Como foi dito antes, tb acho bem verdade q o facebook vicia e faz a gente perder tempo... eu tb tenho q me policiar com isso e usar mais para manter contato com amigos e familiares de longe e garimpar informações e posts interessantes no meio de um monte de propaganda e besteira rs
    Li! Q bom q vc vai terminar o Círculo dos sete antes do previsto! Mto legal! Como a Gisele disse, tb prefiro mil vezes mais o livro impresso, senão minha leitura fica mto lenta rs
    E não podemos desistir de tentar conciliar trabalho e hobbies! É possível com mta determinação e organização do tempo! =)
    Boa sorte com a finalização do livro e a faxina geral! rs

    ResponderExcluir